Culinária, Dicas, DIY

Do lixo ao luxo

Reciclagem, reaproveitamento, reuso, hoje, deixaram de ser termos no dicionário, para se tornar um ofício, uma tendência, um meio de transformar LIXO em LUXO e além de ser uma atitude sustentável, passou a ser o meio de ganhar a vida de muita gente.

Seja na cozinha sustentável e consciente que vem dando uma nova cara para a gastronomia e na alimentação doméstica, seja nas oficinas de arte, que transformam plástico, metal ou outros materiais, em verdadeiras obras de arte, seja na moda, onde a customização pode repaginar totalmente uma peça de roupa que iria para o lixo, o leque é imenso, de possibilidades. Basta ter um pouco de criatividade e meter a mão na massa.

Em relação a alimentos, que muitas vezes iriam pro lixo, olha o que tá acontecendo de muito interessante, que vem mudando esse cenário inadmissível de desperdício.

Alguns restaurantes recolhem alimentos de supermercados já sem valor comercial e dão  um “up” no cardápio, criando pratos incríveis, com valor nutricional, preço baixo e aquele visual de gastronomia, que abre o apetite de qualquer um né?

Para reaproveitar a comida em bom estado jogada fora, e evitar o tal desperdício em quantidades absurdas, o inglês Adam Smith e a brasileira de nome gringo Johanna Hewitt, com a ajuda de amigos que se identificam com a causa, fundaram o projeto “The Real Junk Food” (em tradução livre, “a verdadeira comida junk, do lixo”).

E assim nasceu o café Pay As You Feel (em tradução livre, “Pague O Que Você Quiser”), instalado na cidade de Leeds, no norte da Inglaterra, desde o final de 2013, que utiliza apenas mantimentos que continuam bons para consumo e que iriam para o lixo.

Os responsáveis aproveitam não os alimentos que já foram jogados fora, mas que passaram do prazo de validade e ainda estão totalmente consumíveis, vindos de várias fontes, como supermercados, feiras, restaurantes, entre outros. Tendo isso em mãos, o cardápio varia diariamente, já que é elaborado exatamente com o que há no estoque. O casal também preza por refeições nutricionalmente variadas e equilibradas.

Olha só esses pratos feitos de restos. Não é o máximo?

Screenshot_20190722-194038__01__01
Sopa de casca e miolo da abóbora
Screenshot_20190722-194051__01
Buffet completo com frutas e verduras
Screenshot_20190722-194015__01__01
Salada de frutas e folhas de hortelã

Mas você também pode fazer isso em casa.

Evitar o desperdício de comida não é só uma atitude de consciência social e ambiental. Aproveitar melhor os alimentos também é uma forma de economizar, evitando a compra de novos itens. E quando se fala de aproveitar cascas, talos e folhas de frutas, verduras e legumes, ainda existem diversos ganhos para a sua saúde, com aumento de nutrientes, vitaminas e minerais. Então, acompanhe algumas receitas e comece a fazer do aproveitamento de alimentos um hábito.

Olha só essas sugestões de receitas para aproveitamento máximo de produtos que, teoricamente, iriam pro lixo.

1. BOLO DE CASCAS DE BANANA

Screenshot_20190722-194609__01.jpg

Ingredientes:

  • 9 cascas de banana madura;
  • Vinagre para higienizar;
  • 2 gemas;
  • 1/2 xícara (chá) de açúcar;
  • 2 colheres (sopa) de margarina;
  • 2 xícaras (chá) de farinha de trigo;
  • 2 claras em neve;
  • 2 colheres (sopa) de fermento em pó;
  • Canela em pó.

Modo de preparo:

  1. Lave bem as cascas e deixe de molho em água com vinagre por 15 minutos. Escorra e enxágue;
  2. Bata as cascas no liquidificador com um pouco de água até triturar bem e reserve;
  3. Na batedeira, bata as gemas com o açúcar e a margarina até esbranquiçar;
  4. Junte a casca batida e a farinha e bata até incorporar. Sem bater, misture a clara em neve, o fermento e canela a gosto;
  5. Despeje em fôrma untada e enfarinhada e leve ao forno médio preaquecido (180 ºC) por cerca de 50 minutos ou até dourar.

2. BOLINHO DE ARROZ (Sobras)

Screenshot_20190722-200603__01.jpg

Ingredientes:

  • 2 xícaras de chá de arroz cozido (sobras);
  • 2 ovos;
  • 1 xícara de chá de queijo parmesão ralado;
  • 1/2 xícara de cheiro verde picado;
  • 1/2 xícaras de chá de cebola picada e refogada;
  • Sal a gosto;
  • Óleo para fritar.

Modo de preparo:

  1. Misture em uma tigela o arroz, ovos, queijo, cheiro verde, cebola e sal;
  2. Ponha numa panela ou frigideira alta o óleo para aquecer;
  3. Molde os bolinhos( não precisa empanar);
  4. Frite os bolinhos até dourar;
  5. Ponha em papel absorvente, para tirar o excesso de óleo.

Curtiu?

Que tal ir pra cozinha e testar uma dessas receitas?

Texto: Lila Amaral.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.