Viagens

Trento – dica de viagem – Itália

Eu nunca tinha pensado em ir a Trento, cidade no nordeste da Itália. Foi amor à primeira foto. O outono na Europa é muito lindo!

Além disso, eu queria ir em cidades próximas, como: Bolzano, Verona e Veneza e estando baseada em Trento, isso foi muito mais fácil.

Cheguei em Trento vindo de Roma, mas dessa vez não fui pela Trenitalia, como normalmente faço. Eu viajei de ônibus, pela Flixbus, porque a passagem custou apenas 7,99€ e a passagem de trem de alta velocidade, era quase 80€. Então não tive dúvidas. O Flixbus é seguro, confortável e só aumentou o tempo de percurso, mas eu não estava com pressa.

FB_IMG_1583494049593
Primeira foto em Trento, Levico, Alto Ádige, Itália.

Estava viajando pela Itália e uma amiga brasileira, casada com um italiano, de Trento, me convidou para passar uns dias em sua casa, para conhecer Trento e a vizinhança que é de uma beleza ímpar. Ainda bem que aceitei, porque tive o privilégio de conhecer uma região linda e cheia de história.

Levico Terme é uma comuna italiana da região do Trentino-Alto Ádige, província de Trento. Um lugar de conto de fadas.

Trento se desenvolveu a partir de um antigo assentamento (rético), romano, no vale do rio Ádige.

FB_IMG_1583494203733
Rio Ádige, Trento, Itália

A origem do nome tem algumas hipóteses:

1. Deriva do nome céltico, Trent, em homenagem ao deus das águas, por causa do rio Ádige

2. Deriva da palavra romana, trent, indicando uma trifurcação do rio Ádige.

3. Deriva do nome latino Tridentum (“tridente”), dado em homenagem ao deus romano das águas, Netuno, por causa das três colinas ao redor da cidade, Dosso Trent, Dosso Sant’Afata e Dosso di San Rocco.

Screenshot_20200306-131259__01
Dosso Trent, Trento, Itália.
Screenshot_20200306-130507__01
Dosso Sant’Afata, Trento, Itália.
Screenshot_20200306-130842__01
Dosso di San Rocco, Trento, Itália.

Já durante a Antiguidade, Trento era uma importante rota de passagem de vários povos. Conquistada pelos romanos em 81 a.C., tornou-se município, entre 50 e 40 a.C.

A conquista de Trento pelos romanos ocorreu no século I a.C., pois, Trento era um local estratégico durante as várias campanhas militares romanas por causa da sua localização no cruzamento da rota comercial de Veneza pelo Valsugana (vale mais importante, que liga A Trento e com uma passagem por Brennero, ao norte.

Screenshot_20200306-162732__01__01__01__01
Mapa da Itália, destacando a cidade de Trento.
Screenshot_20200306-163150__01__01
Mapa de Trentino Alto Ádige, com as principais

Na Idade Média a cidade começa a ter mais prestígio e a passar por várias mudanças. Foi escolhida como sede da arquidiocese e todos os bispos que sucederam sempre procuraram garantir a segurança e a unidade da cidade. Ao longo dos anos, a cidade foi atacada pelos Godos, pelos Francos e, em 982, foi incorporada pelo Sacro Império Romano.

Seu lugar na história foi assegurado quando o Concílio de Trento se reuniu na cidade, solicitado pela Reforma Protestante.

O Conselho, estabeleceu as regras da Contra-Reforma que moldaram posteriormente a doutrina católica romana em tempos modernos.

Entre 1814 e 1918 Trento pertencia à Áustria, e depois do tratado de paz de Saint-Germain, no final da Primeira Guerra Mundial, tornou-se parte da Itália

Isso lhe confere características diferentes, em relação a várias partes da Itália, como o idioma, já que muitas pessoas falam alemão, a arquitetura, que é mais propícia à neve, por estar numa região extremamente fria, entre montanhas e o comportamento do trentino, que é mais parecido com os comedidos austríacos.

Resquícios do período romano podem ser ainda encontrados no subsolo da cidade.

A região do Vêneto, passou por muitos momentos difíceis, foram muitas guerras e invasões, até finalmente a região ser incorporada à Itália e ter sua própria identidade.

Alguns lugares imperdíveis:

Piazza del Duomo:

A Piazza del Duomo, que assumiu sua forma durante o século VIII, se encontra física, política e religiosamente no coração do centro histórico de Trento e foi condiderada uma das praças mais bonitas e características da Itália. Tem vista para a catedral de San Vigilio, a catedral da cidade, o Palazzo Pretorio e para  a fonte de Netuno do século XVIII.

Castelo de Buonconsiglio:

O Castelo de Buonconsiglio é um dos edifícios mais famosos de Trento e um dos maiores monumentos do Trentino Alto Adige. O edifício em estilo gótico e renascentista, hoje, é um museu e as diferentes salas do castelo abrigam coleções de arte provinciais, divididas em seções de arqueologia, arte antiga, medieval, moderna e contemporânea. O próprio complexo de Buonconsiglio assumiu o nome oficial de Castello del Buonconsiglio em 1992. 

Catedral de San Vigilio:

A Catedral de San Vigilio é a Catedral de Trento e a Piazza del Duomo deve seu nome à presença deste esplêndido edifício religioso, construído no século XIII e dedicado ao Santo padroeiro da cidade, San Vigilio. Sob a Catedral, está a Basílica cristã primitiva, que pode ser visitada. Em estilo românico, seu interior afrescos do século XIV, representando a lenda de São Julião e a estátua de pedra da Madonna degli Annegati. No corredor direito está a Capela do Crucifixo, com um crucifixo de madeira aos pés do qual foram divulgadas as questões do Concílio de Trento.

Lazise, Lago di Garda:

É o maior lago da Itália e atravessa as regiões de Lombardia, província  de Bréscia, Vêneto, província de Verona e Trentino-Alto Adige, província de Trento. Estende-se por uma área de cerca de 370 km² a uma altitude de 65 metros sobre o nível do mar. O lago possui cinco ilhas e é um dos lugares mais agradáveis da região. Possuí parques, comércio, jardins e clubes em seu entorno.

Cantinota fratelli Bressan:

Esse foi um dos lugares mais diferentes que já vi e tive o prazer de conhecer em Trento. É uma cantina típica italiana, que faz parte da família a várias gerações. Fica na estrada e quando olhamos de fora, não parece o que é dentro. Interessante, exótica, rústica e com muita bebida e comida boa. Eu amei!

Eu sou muito suspeita para sugerir qualquer lugar na Itália, para fazer turismo, porque é um país que eu adoro. Mas Trento, foi uma das maiores surpresas para mim.

Um lugar lindíssimo, cercado de montanhas nevadas, uma vegetação exuberante, rio, lagos, enfim, belezas naturais que se somam à beleza da arquitetura cidade e transformam esse destino, numa viagem agradabilíssima e extremamente interessante.

Planeje sua viagem!

Viaje tranquilo para Trento!

icon-saude

SEGURO DE VIAGEM
Faça o seguro saúde com a Seguro viagem online

icon-carro

ALUGUEL DE CARRO
Veja os melhores preços para alugar um carro na Rental cars

icon-hotel

HOTEL
Reserve o seu hotel no Booking com cancelamento gratuito.

 🟥 INGRESSOS

Compre seus Ingressos para atrações, excursões e passeios na Europa com a Get Your Guide

📌 CÂMBIO

Pesquise as cotações oferecidas por diferentes casas de câmbio através da Melhor Câmbio ou envie dinheiro para o exterior sem taxas pelo Transferwise.

Texto: Lila Amaral.

Referências:

  • CHARTIER, Roger. A história cultural: entre práticas e representações. Rio dee Janeiro, RJ: Bertrand Brasil, 1988.

  • FERNÁNDEZ-ARMESTO, Felipe. Milênio: Uma história de nossos últimos mil anos. Rio de Janeiro: Record, 1999.

7 comentários em “Trento – dica de viagem – Itália”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.