Viagens

Verona – dica de viagem – Itália

Verona é uma cidade da região do Vêneto, no norte da Itália, às margens do rio Ádige. 

Screenshot_20200317-123023__01
Verona, às margens do rio Ádige, Itália.

Visitei o norte da Itália em 2019 e fiquei bastante encantada. São cidades cheias de história e muito lindas, além de Verona, conheci Trento e Bolzano. Fui de carro, com amigos que me hospedaram em Trento.

Screenshot_20200317-115112__01
Amigos trentinos, visitando Verona. Atrás o Arco  Dei Gavi, romano, séc I d.C.

A cidade é famosa por ter sido cenário da peça “Romeu e Julieta”, de Shakespeare.

Apesar de pequena, Verona reserva muitas surpresas, para os turistas, além de uma história de amor.

HISTÓRIA 

A cidade de Verona, foi fundada pelos Celtas. Mais tarde, foi uma colônia romana em 89 a.C., com o nome de Augusta. Foi capital de ducados, durante a Reino Lombardo e em 145, foi uma colônia de monges Benedetinos e chegou a ostentar a supremacia artística de toda a Itália, sendo sede de uma escola pictórica e foi incorporada ao Reino de Itália, em 1866, com a Terceira Guerra de Independência Italiana.

A cidade foi declarada patrimônio da humanidade, pela UNESCO, por causa da sua estrutura urbana e arquitetura, por ser um exemplo de cidade que se desenvolveu progressivamente e sem interrupções durante dois mil anos.

Screenshot_20200317-121805__01__01
Sugestão de roteiro na cidade de Verona.

1. Pra quem chegar de trem ou ônibus, descerá na Estação Porta Nuova.

2. Seguindo pelas margens do Rio Ádige (esse percurso é mais longo, mais é muito interessante), pode-se chegar ao centro histórico, através da Ponte Pietra, mas antes, pode-se optar por visitar o Museu/ Anfiteatro romano e o Caltelo de San Pietro. Ambos edifícios valem a pena, porque contam a história de Verona.

3.PONTE PIETRA – Ponte de Pedra(Pietra) é a mais antiga de Verona, no rio Adige e a única que resta da época romana. Tendo sobrevivido a várias inundações e destruições, foi reconstruída reutilizando-se, tanto quanto possível, o material original recuperado do leito do rio.

MUSEU E ANFITEATRO ROMANO – O museu está localizado dentro de um convento construído no século XV e o Anfiteatro, construído no final do século I. d.C., foi coroado, no topo da colina, por um templo, cujos restos foram encontrados em 1851 durante a escavação das fundações do Castel de San Pietro.

Screenshot_20200317-170439__01__01
Museu Arqueológico de Verona, Itália.
Screenshot_20200317-165435__01__01
Anfiteatro romano, séc I d.C., Verona, Itália.
Screenshot_20200317-190428__01
Castel di San Pietro, Verona, Itália.

Castel San Pietro é um edifício militar, situado na colina de San Pietro, em uma esplanada onde, na época romana, havia um templo conectado ao teatro romano. Há um funicular que leva até o topo da colina, por € 2, mas a entrada não é liberada, pois o edifício está em processo de restauração.

4.Depois de atravessar a Ponte Pietra, andando pela Via Cappello, localizada no centro histórico, fica o atrativo principal de Verona, a Casa de Julieta, onde aconteceu a famosa cena da sacada na casa da família Capuleto, em que Julieta está no alto e Romeu declama suas juras de amor.

No pátio, no andar de baixo, fica a estátua de bronze de Julieta, que diz a lenda, que todo visitante que tocar seu seio direito terá felicidade no casamento e no amor. Lenda ou não, as filas são quilométricas e curiosamente, muitos homens tocam a estátua, na mesma proporção que as mulheres.

Screenshot_20200317-114941__01
Casa de Giulietta, Verona, Itália.

5. Saindo da casa de Julieta, andar pelas ruas do centro, admirando os monumentos e se deparar com uma Arena romana em excelente estado de conservação é um presente, para quem ama arquitetura e arte.

Screenshot_20200317-230545__01__01
Arena romana, séc I d.C., Verona, Itália.

A Arena de Verona é um enorme anfiteatro romano do século I, que atualmente sedia concertos e grandes apresentações de ópera.

Depois de um terremoto que ocorreu em 1117 e que quase destruiu o anel exterior, a Arena foi utilizada como pedreira para outros edifícios. As primeiras intervenções de restauro aconteceram no Renascimento e tiveram por objetivo recuperar a funcionalidade da Arena para representações teatrais.

Graças à sua impressionante acústica, a Arena de Verona é um excelente local para a realização de concertos, prática que se iniciou em 1913. Hoje em dia, são ali apresentadas anualmente cerca de quatro óperas, entre Junho e Agosto.

Screenshot_20200317-114821__01
Arena romana, séc I d.C., Verona, Itália.

Muitas outras construções, espaços e monumentos, interessantes, estão por toda parte em Verona.

Screenshot_20200317-114626__01
Arco doppio, no Corso Porta Nuova, centro histórico de Verona, Itália.
Screenshot_20200317-114806__01
Piazza Della erbe e a coluna de Veneza, com o leão de São Marco no topo.
Screenshot_20200317-123613__01
Fontana da Madonna Verona, construída em 1368, por Cansignorio della Scala.
Screenshot_20200317-114658__01
La “tribuna” na Piazza delle Erbe, Verona.

Após a queda do Império Romano, a cidade conheceu outros períodos importantes, principalmente entre os séculos XII e XIV, e desta fase ela apresenta alguns dos seus mais importantes monumentos: as igrejas de São Zeno Maggiore, de Santa Anastasia e o Castelvecchio.

Screenshot_20200317-232219__01__01
São Zeno Maggiore, 1398 dC, estilo Românico.

Localizada em uma pequena praça, localizada no final da rua medieval de mesmo nome, a Oi antiga estrada romana dos sepulcros, a Basílica medieval de Santa Anastasia é a maior igreja de Verona. É também o monumento gótico mais importante da cidade, onde são preservadas obras de arte de valor inestimável.

O Castelvecchio, fica na localização de uma fortaleza romana, fora da cidade romana e hoje abriga o Museu Castelvecchio.

Conhecer Verona foi muito mais que um sonho antigo realizado. Verona além de belíssima, tem muita história, diretamente ligada ao Império romano e personagens marcantes, ligados indiretamente, como o maior dramaturgo e escritor William Shakespeare. Valeu demais, conhecer essa cidade, que eu só conhecia através da literatura.

Leia também:

Planeje sua viagem!

Viaje tranquilo para Verona!

icon-saude

SEGURO DE VIAGEM
Faça o seguro saúde com a Seguro viagem online

icon-carro

ALUGUEL DE CARRO
Veja os melhores preços para alugar um carro na Rental cars

icon-hotel

HOTEL
Reserve o seu hotel no Booking com cancelamento gratuito.

 🟥 INGRESSOS

Compre seus Ingressos para atrações, excursões e passeios na Europa com a Get Your Guide

📌 CÂMBIO

Pesquise as cotações oferecidas por diferentes casas de câmbio através da Melhor Câmbio ou envie dinheiro para o exterior sem taxas pelo Transferwise.

Texto: Lila Amaral.

2 comentários em “Verona – dica de viagem – Itália”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.